terça-feira

Part. 1

Sem ritmo para amigos agitados
— aew peixe, mekitah essa força? como eh, vamos a "la praya" hj? hehehe, eu passo aew!!! depois rola dah uma passada no shop, neh?? se deh tempo a gnt pega até um cineminha, falae? depois a gnt podia colah naquele bar novo q abriu soh pa vê qualeh a boa... pa fechah bem q podia rolah uma baladinha de leve, heinnnnn??!! q ce me diz? firmaum??
— É que acabou de me dar um sono daqueles, sabe...
_____________________________________________________________
Até quero que você seja feliz

mas lá na #%!#@$%¬¨
perto da casa do %¨¬¢$#@$
seu filho da @¢%$#¨@?~%
~]/;,#$¨¬%@@¨$/? [] @=+.-#
%@¨%$¨&&(()@#$%¨¨%&%
de uma @#%$%¨%$#@$~~^´#!!!!
(
tudo de bom, viu!?)
___________________________________________________________



Desconheço parentes distantes

— Filhão, hoje você vai com a mamãe na casa sabe de quem? Você vai adorar... Sabe de quem? Sabe de quem?
— Não, mãe...
— Na casa da tia Edna! Vamos ver a prima Marluce que chegou de viagem e trouxe o Haroldo! Não é legal?
— Ah... é... (Quem?!)

________________________________________________________________

Sarcasmo anti-capitalista

— Vai uma Coca gelada aê, brother?
— Não, obrigado. Quero que meu fígado apodreça naturalmente.
________________________________________________________________

Comidas que não existem

A fome bate. Você procura algo na geladeira e verifica que nenhuma daquelas frutas, carnes, legumes e sobras de comida satisfaria plenamente o seu desejo. Você quer saciá-lo, sabe o gosto, o cheiro e até mesmo a consistência do que quer comer, mas o mesmo acontece quando abre o armário e constata que nada do que tem lá te agrada. Para tentar dar um fim a isso, você vai até o supermercado e analisa calmamente cada uma das gôndolas, até comprovar algo desesperador: O que você quer comer definitivamente não existe.
_________________________________________________________________
Descricões de Comunidades (Orkut) do "Gordo nerd !"

sexta-feira

Me desfiz



Me desfiz de toda a lógica insensível de desejar não se ferir. Por quê não se perder no turbilhão de sentidos,cheiros e cores ? Por quê não se perder na bagunça humana,nas faces,no concreto ? Para então se encontrar na suavidade da alma, alimentá-la com sonhos, sorrisos, paz... Eu quero poder sempre acreditar na mudança, no possível. Afogar-me na poesia da vida e festejar pelo que já foi conquistado. Os corajosos acabam sempre por entender que a única razão inteligente é a do coração.

Géssica Sena

domingo

A escolha é sua...só sua


"Hoje levantei cedo pensando no que tenho a fazer antes que o relógio marque meia noite. É minha função escolher que tipo de dia vou ter hoje. Posso reclamar porque está chovendo ou agradecer às águas por lavarem a poluição. Posso ficar triste por não ter dinheiro ou me sentir encorajado para administrar minhas finanças, evitando o desperdício. Posso reclamar sobre minha saúde ou dar graças por estar vivo. Posso me queixar dos meus pais por não terem me dado tudo o que eu queria ou posso ser grato por ter nascido. Posso reclamar por ter que ir trabalhar ou agradecer por ter trabalho. Posso sentir tédio com o trabalho doméstico ou agradecer a Deus. Posso lamentar decepções com amigos ou me entusiasmar com a possibilidade de fazer novas amizades. Se as coisas não saíram como planejei posso ficar feliz por ter hoje para recomeçar. O dia está na minha frente esperando para ser o que eu quiser. E aqui estou eu, o escultor que pode dar forma. Tudo depende só de mim."  

Charles Chaplin
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...