segunda-feira

Ele é só um cara..







É só um cara. Não o "denso lago de mistérios gazosos onde você mergulhou e ainda não submergiu". Nem o "sustentáculo de todos os ossos de seu corpo", tampouco "o mármore onde está gravada a suprema razão de sua existência". É só um cara.
E quer mesmo saber? É um cara como todos os outros caras.
Esse que te perguntou as horas no meio da rua – podia ter sido ele e você nem ligou. O mendigo, o ginecologista, o padre, o dealer. Ele estava ali o tempo todo. E ele não estava. Ele é só um deles. Vários. Uma legião. E ninguém.
É só um cara. E não a sua vida. E não todos os dias da sua história. E não todas as suas lágrimas juntas em um único sábado solitário. Ele não é o destino. É um cara. Existem muitos destinos.
Ele é só um cara que mal sabe escolher os próprios perfumes. Não sabe sangrar. Não sabe que nome daria a um filho. Não pode ficar mais tempo. Ele é só um cara perdido como muitos outros caras que você encontrou. E perdeu.
Ele é só um cara. E você já esqueceu outros caras antes.



Priscila Barreto (*Supostamente)

quinta-feira



"Você sabe, só porque sua vida já está bem longe uma estrada não significa que você não pode fazer um desvio. Não se preocupe se não há nenhum sinal para apontar o caminho. Basta confiar em sua própria bússola e seguir a seta. O objetivo é assumir o volante e dirigir. Às vezes, as estradas laterais são onde você encontra as melhores surpresas."
 
Samantha Who?




Sem ispiração. Sem tempo*. Desanimada. Cansada. Irritada...
É isso.

segunda-feira

Selos, again *-*



Ganhei da Tereza do blog Já Cresci.
Obrigada Tereza *-*

Indicar 10 blogs:


sexta-feira

Lie ?

 

Um cara lá fora, era para ser o amor da sua vida, seu melhor amigo, sua alma gêmea, aquele que você pode contar seus sonhos. Ele sorrirá para você, mas ele nunca vai rir de seu coração. Ele vai escovar o cabelo de seus olhos. Enviar flores quando você menos espera. Ele vai olhar para você durante os filmes, mesmo que ele tenha pago R$ 14 para vê-lo. Ele vai ligar para dizer boa noite ou apenas porque ele está pensando em você. Ele vai olhar nos seus olhos e dizer: "Você é a garota mais bonita do mundo!", e pela primeira vez em sua vida, você vai acreditar.



quinta-feira

+ Selos *-*





Agradeço ao Rodolpho Padovani, a  Naia Mello e a Tereza D.
Regras
- Postar os selinhos no seu Blog.
- Me deixar um recadinho.
- Listar cinco coisas que você gosta de fazer.
* Ler
* Brincar com o meu cachorro
* Viajar
* Ouvir músicas
* Assistir filmes
- Indicar 10 Blogs para receber os selinhos.
- E deixar um recadinho nos Blogs que você escolher.
Regras do 4º selo:
1- A maior bobagem que você já fez?
Me apaixonar por "ele".2- O que os outros consideram bobagem e você não?
Naruto -prontofalei

   Para os quatro selos: 
  

domingo

I've gotta let you know



_ Alô.
_ Oi. Eu liguei pra saber o que você queria me dizer aquele dia, e não pôde.
Silêncio.
_ Você tá ai?
_ É... Estou... Olha, esta não é nenhuma declaração, eu só pensei que você gostaria de saber...adeus.
_ ...
--
O tempo está passando muito mais rápido do que eu. E eu estou começando a me arrepender, de não passá-lo com você. Agora eu estou imaginando porque, deixei isso preso dentro de mim. Então, estou começando a me arrepender de não ter dito tudo para você. Então, se eu ainda não o fiz, tenho que deixar você saber.
Você nunca vai estar sozinho. De agora em diante, mesmo que você pense em desistir não vou deixá-lo cair.
Quando toda a esperança tiver desaparecido vou te segurar até a dor passar. Eu sei que você pode continuar. E agora, enquanto eu puder estarei te segurando com ambas as mãos. Pois sempre acreditei que não há nada que eu precise a não ser você.
Temos que viver cada dia como se fosse o único. E se o amanhã nunca chegar?
Não o deixe escapar, poderia ser o nosso único dia. Você sabe que apenas começou. Hoje eu estarei ai de qualquer forma, não vou desperdiçar mais nenhum dia.


Nickelback - Never Gonna be Alone
Belle And Sebastian - Get Me Away From Here I'm Dying





quinta-feira

Respirar somente não é viver



"Pollyanna gritou apavorada:
- Oh, tia Polly, a senhora não me deixou tempo nenhum para viver.

- Para viver? Que quer dizer com isso? Como se não estivesse vivendo o tempo todo...


- Oh, estou respirando o tempo todo, mas fazer isso não é estar vivendo, tia Polly. A senhora respira todo o tempo que está dormindo e quem dorme não vive. Quero dizer vivendo, isto é, fazendo coisas de que a gente gosta, como brincar lá fora, ler para mim mesma, subir ao morro, conversar com o senhor Tom e Nancy no jardim, e saber tudo a respeito das casas e das pessoas que moram nas lindar ruas por onde passei. Isso é o que eu chamo de viver, tia Polly. 
Respirar sónão é viver."


Trecho do livro "Pollyanna", de Eleanor H. Porter




Gente, obrigada pelas visitas, comentários, pelo carinho. Enfim, obrigada por tudo! 
Obrigada ao Renato pelo selo - que já postei na página de selos.
Ah! Esse livro é encantador *-*

sexta-feira

Você foi




Você foi o sol mais brilhante das manhãs, os dias mais especias do ano, o sorriso mais perfeito do mundo.
Você foi conforto, solidão, multidão, algo concreto.
Você foi o fim mais doído que tive...A página mais difícil de virar, as horas que passei acordada à noite.
Você foi areia do mar, vento de praia, um conjunto, uma certeza. 

Você foi a covinha mais bonita, a conversa mais duradoura, a palavra mais valiosa e a dor mais doída.
Você foi tudo pra mim. Fundamental e especial...Eu te amei o tempo todo. Você foi o que tinha de ter sido.
Hoje você já não é mais nada.



Texto de "Yohana"



Nada mais a acrescentar. Sorry!





domingo

the end



_ O quê? Então é assim? Você vai terminar tudo sem nenhum motivo.
_ O problema não é você, sou eu.
_ Quer saber? Que se dane. Vá embora daqui.
Ela abriu a porta fazendo um sinal para que ele saísse. Ele parou do lado de fora da casa e tentou dizer algo mas ela não quis ouvir e fechou a porta na cara dele, literalmente.
Então era tudo verdade o que diziam, que ele a traia. Que boba. Sempre foi uma boba, por acreditar nas mentiras dele. Tantas batalhas que travou para estar ao lado dele, enquanto ele a retribuía dessa maneira. Encostou as costas na porta e deslizou para o chão. As lágrimas percorriam seu rosto rapidamente, algo apertava em seu peito, era como se uma mão de ferro apertasse seu coração. Levantou, foi para o quarto e se jogou na cama. Abraçou o travesseiro e tentou dormir, mas foi em vão. Ela tinha que dormir, tinha que fazer algo para que aquela dor tão forte desaparecesse. Levantou-se e foi ao banheiro da mãe no outro quarto. Abriu o armário, revirou os frascos de medicamentos controlados que a mãe tomava. Escolheu um e colocou sobre a pia. Olhou-se no espelho. Seus olhos estavam vermelhos e inchados, seus cabelos bagunçados, seu rosto molhado pelas lágrimas.
Quem era aquela? Nunca se viu nesse estado? Por que ficou assim por ele? O que ele tinha de especial? Nada! 
Foi como se naquele momento tudo que sentia por ele tivesse acabado. Que burrice ela estava prestes a fazer por um simples homem, que nem sequer pensava nela nesse momento. Sorriu para seu reflexo no espelho. Guardou o frasco de calmantes. Foi para o seu quarto deitou na cama e caiu em sono profundo.
No dia seguinte acordou alegre. Tomou um banho demorado, arrumou-se minuciosamente e ligou para a amiga aceitando o convite para o passeio. Não seria um simples homem que acabaria com a sua vida.

-
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...